Últimos Eventos

Colóquio Internacional: «Garden Tourism in Portugal and around the World»
24 a 26 de fevereiro de 2017

Descrição do projeto Green Gardens - Azores

Os jardins dos Açores constituem um conjunto patrimonial de relevo, pela sua dimensão histórica, botânica e paisagista. A uma crescente procura, à escala global, do turismo de jardins, tem correspondido uma certa dinâmica na afirmação internacional dos jardins dos Açores: em 2014 o Parque Terra Nostra foi escolhido entre os 270 melhores jardins do mundo (Gardener's Garden, Phaidon) e em 2013 distinguido como Garden of Excellence (ICS); a realização de cinco encontros internacionais de Camélias Antigas e a organização de diversos tours temáticos são prova da potencialidade do Destino. Não obstante os sinais positivos, muito há a fazer para garantir a notoriedade dos jardins dos Açores. O projeto «Green Gardens – Azores» visa contribuir para a afirmação dos jardins históricos dos Açores como produto turístico de qualidade associado à natureza, cultura e bem-estar, através da problematização e operacionalização de dinâmicas de desenvolvimento do turismo de jardins. Salienta-se que este projeto foi integrado no referencial estratégico do Turismo de Portugal «Plano de Ação para o Desenvolvimento do Turismo em Portugal 2014-2020»

Objetivos principais do projeto

Investigar, conhecer e divulgar

Investigar, conhecer e divulgar o produto “Jardins dos Açores” como parte de um nicho de turismo cultural

Proteger, conservar e valorizar

Proteger, conservar e valorizar o património paisagista dos Açores, particularmente dos jardins históricos

Melhorar, enriquecer e avaliar

Melhorar, enriquecer e avaliar a experiência dos visitantes

Objetivos específicos do projeto

Produzir conteúdos de visita com base em investigação científica multidisciplinar
Conceber e implementar estratégias de comunicação e mediação cultural, dando primazia às TIC, designadamente através da criação de Aplicação Móvel
Conceber e testar estratégias de marketing ajustadas a diversos perfis de utilizadores, com vista à criação de uma marca que viabilize a exploração económica e gestão cultural dos jardins dos Açores
Fomentar a transferência de conhecimentos entre investigadores, gestores, cuidadores, proprietários e potenciais utilizadores dos jardins, de modo a fundamentar decisões estratégicas conducentes à conservação e dinamização dos jardins históricos dos Açores, bem como a potenciar a experiencia de visitação dos jardins

Atividades e resultados científicos

Progresso
  • A
    Participação em reuniões científicas

  • D
    Produção de documentos de suporte ao trabalho de campo

  • B
    Artigos publicados em revistas com revisão de pares

  • E
    Orientação e júris de trabalhos académicos

  • C
    Artigos em atas de reuniões científicas

A B C D E
27 e 28 de junho de 2016 Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa - Lisboa
Rosalina Gabriel, Ana Moura Arroz, Isabel R. Amorim, Ana Fuentes Sanchez, Paulo A.V. Borges & I. Soares Albergaria – «Diversity of uses in Public Gardens: A preliminary study in Angra do Heroísmo for the “Green Gardens – Azores” project» , apresentado na Flash Presentation no Encontro Anual do Centre for Ecology, Evolution and Environmental Changes (cE3c)
7 a 9 de novembro de 2016 Múrcia - Espanha
J. Porteiro & I. Soares Albergaria – «A dimensão cultural das paisagens dos Açores. O contributo dos jardins históricos para a afirmação do turismo sustentável na Região», apresentada ao XV Coloquio Ibérico de Geografía: Retos y tendencias de la Geografía Ibérica
29 a 30 de Junho de 2016 Sala do Cabido da Misericórdia de Velas, S. Jorge
I. Soares de Albergaria – «Turismo de jardins na Madeira e nos Açores: que passado e que futuro?», Comunicação apresentada ao VI Colóquio das Velas Açores e Madeira: Percursos de memória e identidade
Revista de Ciencias Sociales
C.Castel-Branco & I.Soares Alberagaria – “The Azores Lake Gardens as touristic asset: using the visual preferences method/Los jardines de los lagos de las Azores como activo turístico: estudio por el método de preferencias visuales”, Methaodos. Revista de Ciencias Sociales (artigo aceite e ainda não submetido)
Dali International Camellia Congress 2016
E. Paz & I. Soares Albergaria – Camellia cultivars and early gardening catalogues in Portugal, in Proceedings of Dali International Camellia Congress, Dali. Yunnan. China, 2016
Elaborada uma ficha base que servirá para a concentração da informação relativa a cada jardim, em articulação com outros inventários de jardins já testados e a base de dados do IEJ&P
11 de Julho de 2016 Universidade dos Açores
M.J. Trota (orientadora) e I. Soares Albergaria (vogal) das provas de mestrado da licenciada Cátia Faria Freitas intitulada «A Conservação Ex Situ das Plantas Autóctones dos Açores no Jardim Botânico do Faial».
13 de dezembro de 2016 Universidade dos Açores
Registo de dissertação na reunião de comissão com A. Arroz (orientadora) de Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino pela mestranda Ana Sofia Mendes Ribeiro Ferreira Simões, intitulada “Oportunidades de contacto com a Natureza na cidade: práticas de cidadania na Educação Pré-Escolar e no 1ºciclo do Ensino Básico”.

Ficha Técnica do projeto Green Gardens - Azores

https://www.otacores.com/greenga/wp-content/uploads/2016/12/barra-de-assinatura-AÇORES-2020-FEDER_SET2016-1140x88.png
DESIGNAÇÃO DO PROJETO: Green Gardens - Azores
CÓDIGO DO PROJETO: ACORES-01-0145-FEDER-000070
OBJETIVO PRINCIPAL: Contribuir para a afirmação dos jardins históricos dos Açores como produto turístico de qualidade associado à natureza, cultura e bem-estar, através da problematização e operacionalização de dinâmicas de desenvolvimento do turismo de jardins (TJ). Tal implicará: 1. Produzir conteúdos de visita com base em investigação científica multidisciplinar; 2. Conceber e implementar estratégias de comunicação e divulgação, dando primazia às TIC, designadamente através da criação de Aplicação Móvel; 3. Conceber e testar estratégias de marketing ajustadas a diversos perfis de utilizadores, com vista à criação de uma marca que viabilize a exploração económica e gestão cultural dos jardins dos Açores; 4. Fomentar a transferência de conhecimentos entre investigadores, gestores, cuidadores, proprietários e potenciais utilizadores dos jardins, de modo a fundamentar decisões estratégicas conducentes à conservação e dinamização dos jardins históricos dos Açores.
ENTIDADE BENEFICIÁRIA: Observatório do Turismo dos Açores, em co-promoção com a Universidade dos Açores e a Fundação Gaspar Frutuoso
CUSTO TOTAL ELEGÍVEL: 149. 683,29€
APOIO FINANCEIRO DA UNIÃO EUROPEIA: 127. 230, 80€
DESCRIÇÃO: A afirmação internacional dos jardins dos Açores tem recebido sinais altamente positivos. Em 2014 o Parque Terra Nostra foi escolhido entre os 270 melhores jardins do mundo (Gardener´s Garden, Phaidon) e em 2013 distinguido como Garden of Excellence (ICS). A realização de 5 encontros internacionais de Camélias Antigas e a organização de diversos tours temáticos são prova da potencialidade do Destino. Assim, o projeto “Green Gardens – Azores” visa contribuir para a afirmação dos jardins históricos dos Açores – recuperando o protagonismo de outrora – como produto turístico de qualidade associado à natureza, cultura e bem-estar, através da problematização e operacionalização de dinâmicas de desenvolvimento do turismo de jardins (TJ). Salienta-se que este projeto foi integrado no referencial estratégico do Turismo de Portugal “Plano de Ação para o Desenvolvimento do Turismo em Portugal 2014-2020”
RESULTADOS: Implementação de networking entre parceiros locais, nacionais e internacionais; Criação de uma App, webpage e outros dispositivos destinados a visitas autónomas aos jardins; Publicação de 3 obras de divulgação científica; Participação em eventos científicos nacionais e internacionais com vista à divulgação dos resultados científicos do projeto; Realização de ações promocionais do produto "Jardins Históricos dos Açores"
FOTOGRAFIAS:

Unidade de Investigação Promotora

Centro de História d'Aquém e d'Além-Mar (http://www.cham.fcsh.unl.pt/)

Co-promotores

Universidade dos Açores (www.uac.pt)
Fundação Gaspar Frutuoso (http://www.fgf.uac.pt/)

Investigador Responsável

Equipa

Professora Doutora Ana Moura Arroz (http://gba.uac.pt/member/ana-margarida-moura-de-oliveira-arroz)
Professor Doutor Carlos Santos (http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=8483161854665175)
Professor Doutor João Mora Porteiro (http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=5713965384471070)
Professora Doutora Isabel Soares de Albergaria (IR) (http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=5845110289870635)
Professora Doutora Maria João Pereira
Professora Doutora Rosalina Gabriel (http://gba.uac.pt/member/rosalina-maria-de-almeida-gabriel)

Consultores

Professor Doutor Paulo Borges
Professora Doutora Cristina Castel-Branco
Doutor Raimundo Quintal
Mestre Eduarda Paz
Doutora Ana Duarte Rodrigues

Contatos

Observatório do Turismo dos Açores

Avenida Infante D. Henrique, nº71 - Esc. 101
Solmar Avenida Center
9504-529 Ponta Delgada

Telefone: 296 287 237
E-mail: geral@otacores.com

Investigador Principal:
- Isabel Soares de Albergaria (CHAM)
E-mail: maria.iw.albergaria@uac.pt
https://www.otacores.com/greenga/wp-content/uploads/2016/12/barra-de-assinatura-AÇORES-2020-FEDER_SET2016-1140x88.png